Parque da Universal em Orlando, 10 dicas para curtir ao máximo seu passeio!

Fique por dentro de algumas dicas e das nossas experiências que vão lhe ajudar ainda mais a aproveitar ao máximo o famoso Parque da Universal em Orlando!

A primeira informação que eu já posso passar é que com certeza a Universal é para todas as idades. Tanto o Universal’s Island of Adventure quanto o Universal Studios Florida tem áreas super coloridas e com brinquedos bem tranquilos e fofinhos. Porém, é impossível negar que crianças um pouco mais velhas, adolescentes e adultos vão aproveitar muito mais aqui!

Sem dúvida, achei a Universal “mais adulta” que a Disney de maneira geral. Claro que a Disney tem atrações especialmente para o público mais velho, como o Epcot na parte dos países.

Só que o Parque da Universal tem personagens e áreas com temas de um público mais adulto, como o Transformes, The Simpsons, Jurassic Park e, claro, o Harry Potter. Além de ter montanhas-russas e brinquedos mais radicais para se divertir no parque.

Universal's Islands of Adventure

Agora conheça mais algumas dicas sobre o Parque da Universal, para você aproveitar o seu dia de diversão!

1. Comprando ingressos para o Parque da Universal

Vale a pena você pesquisar os preços e adquirir o ingresso antes da sua viagem. A vantagem é que você vai economizar tempo, dado que não vai ser necessário encarar as filas enormes (principalmente na alta temporada) só para comprar o ingresso.

Com o ingresso já comprado antecipadamente, é só apresentá-lo para o guichê da entrada e já pode começar o dia!

Outro ponto positivo, é poder pesquisar o melhor preço oferecido. Assim, já dá para aproveitar alguma promoção, dar uma olhada em sites que vendem os ingressos da Universal, conversar com agências de turismo… lembrando que, normalmente na bilheteria do parque, o preço do ingresso é um pouco mais caro.

Quando eu fui, comprei o ingresso tipo “park-to-park” para 2 dias, no site da Decolar. A compra foi muito tranquila, bem rápida de ser aprovada e, na hora de apresentar, deu tudo certo. No próprio site da Universal também é possível adquirir as entradas e dar uma olhada nos preços.

Universal's Island of Adventure Parque da Universal

Outros dois detalhes sobre os tipos de ingressos do Parque da Universal:

  1. Park-to-Park: Vale a pena adquirir o bilhete “park-to-park”. Isso porque ele te permite usar a atração super legal do Express Harry Potter. Um trem charmoso que liga os dois parques. Além disso, com esse bilhete, é possível entrar nos parques em um só dia.
  2. Ingresso de 1 dia: Este bilhete você somente vai encontrar à venda no próprio site da Universal. Aí será necessário escolher conhecer o Universal Studios Florida ou o Universal’s Island of Adventure ou o Universal’s Volcano Bay.

Express Pass

Nos meses de maior movimentação — verão, férias escolares e feriados — as filas para as atrações são intermináveis. Então, uma saída para otimizar o tempo, é comprar o Express Pass.

Ele pode ser adquirido antecipadamente no site da Universal e o preço é um pouco salgado. Porém, para os dias lotados é uma opção realmente a se considerar!

O Express Pass tem vários detalhezinhos. Entenda mais como funcioana antes adquiri-lo:

  1. No Express Pass ilimitado é possível ir no brinquedo pela fila preferencial quantas vezes quiser.
  2. Já o Express Pass limitado permite passar somente 1 vez mais rápido na atração desejada.
  3. Tanto o Express Pass ilimitado, quanto o limitado, podem ser adquiridos para usar nos DOIS parques da Universal conjuntamente (Universal Studios Florida e Universal’s Island of Adventure). A outra opção, é comprar um Express Pass para cada parque.
  4. Alguns brinquedos não estão inclusos no Express Pass: Harry Potter and the Escape from Gringotts, Hogwarts Express, Harry Potter and the Forbidden Journey, Kang & Kodos’ Twirl ‘n’ Hurl, Fievel’s Playland, Pteranodon Flyers e Krakatu Aqua Coaster.
  5. O Express Pass tem venda limitada diariamente. Por isso, se você escolheu a alta temporada e predente comprar esse bilhete, é interessante adquiri-lo antecipadamente online.
  6. O Express Pass não garante a entrada no Parque da Universal, ele é um complemento ao bilhete de admissão nos parques.

2. Ficar de olho no horário de funcionamento

Os horários de entrada dos Parques da Universal mudam conforme a época do ano. Por isso, dê uma olhada no calendário oficial do site.

Quando eu fui, por exemplo, era setembro, época em que o Halloween Horror Nights (a famosíssima festa de Halloween da Universal) começa a ser produzida. Então, na semana da minha viagem, a partir de quarta-feira se não me engano, o parque fechava às 17 horas. Já na segunda-feira, o horário de encerramento era às 19 horas! Por isso, obviamente, coloquei em meu roteiro o Parque da Universal na segunda, para aproveitar aquelas horas a mais do dia.

Universal's Island of Adventure Parque da Universal

Também vale notar que, durante o meses mais intensos, as filas são maiores. Só que em compensação o Parque funciona até as 22 horas.

Para quem se hospeda no Universal Orlando Resort tem a vantagem de entrar na Universal uma hora antes e aproveitar alguns dos brinquedos mais disputados, saiba mais aqui.

3. Usar o Aplicativo do Parque da Universal

Um trunfo que às vezes fica esquecido no turbilhão de coisas para organizar. Antes de visitar qualquer Parque da Universal, instale no seu smartphone o Universal Orlando Resorts APP — ITunes e Google Play.

APP Parque da Universal

O aplicativo é muito bem feito e tem várias informações valiosas. Para mim, o mais vantajoso é poder saber quanto tempo de espera está no momento as filas das atrações. Então assim, você já consegue ir imaginando o que vai dar tempo de fazer e o que não vai dar.

Além disso, há muitas opções: como localizar o banheiro ou locker mais próximo, guardar a localização do carro no estacionamento, se guiar por dentro dos parques, ver informações sobre os restaurantes e por aí vai.

Na Universal tem internet de graça por todo o complexo, basta acessar a rede XFINITY WiFi.

4. Pegar o mapa na entrada dos parques

Pegar um mapa é importante para não “ficar perdido” no meio das atrações do parque.

Se você nunca conheceu a Universal, sem o mapa (ou pelo menos o aplicativo instalado), vai ser muito difícil localizar as áreas temáticas e os brinquedos. Por isso, logo na entrada existem várias mapinhas disponíveis para os visitantes, inclusive em português.

Mapa Parque da Universal

Ali também tem informações importantes sobre o parque. Um resumo de cada atração. Onde e quais horários localizar os personagem para fotos, entre outros avisos.

5. Fazer um ou dois parques no mesmo dia?

Um dúvida que muita gente tem na hora de planejar uma viagem para Orlando: quantos dias são necessários para conhecer todos os Parques da Universal? De verdade, pelo menos um dia para cada parque é o ideal.

São muitos brinquedos para conhecer, os parques são grandes, o tempo de fila pode demorar e para absorver tudo direito, é melhor ir explorando com bastante tempo.

Agora, caso você tenha poucos dias de viagem e somente irá conseguir separar um dia, vá assim mesmo! Prometo que vai dar para conhecer e aproveitar muitooo a Universal. E se você já teve a oportunidade de conhecer a Universal, um dia para os dois parques pode ser o suficiente.

Universal's Island of Adventure Parque da Universal

Em nosso roteiro, infelizmente, havia só um dia disponível para a Universal. Compramos o ingresso tipo “park-to-park” e fomos conhecendo o que dava na medida do possível. Pelo menos era uma época de baixa temporada (setembro), então as filas não estavam absurdamente cheias. Porém, não tivemos tempo de visitar alguns brinquedos mais famosos (como o do Minions e o do Transformers).

Mas a experiência foi incrível! Acabamos, no fim, curtindo mais o Universal’s Island of Adventure, porque foi o primeiro parque que entramos. Depois, no início da tarde, seguimos para o Universal Studios Florida e ficamos lá até o portão fechar. Claro, que ainda demos uma passeada pelo Universal City Walk também.

Então, a minha dica é: se você tem disponibilidade de dias, escolha um parque por vez. Caso contrário, chegue cedo e saia no último horário (nossa experiência hehe). E, sem dúvida, não deixe de comprar o “park-to-park” para otimizar o tempo entre os parques e já se divertir no trem do Harry Potter.

6. Seguir pelo sentido anti-horário

Os dois parques da Universal vão por um caminho circular, dando a volta em uma lagoa principal. Assim, quando os visitantes chegam na entrada do parque, a tendência é escolher o sentido horário para começar o passeio.

Logo, uma forma de ir “contra a correnteza” é justamente iniciar o dia pelo sentido anti-horário. Dessa maneira o fluxo de pessoas que você vai encontrar nas atrações mais visitadas no início do dia vai ser sempre menor do que no final de tarde! =)

Já dá para economizar algumas horas em filas assim.

7. Começar pela área do Harry Potter

Agora, se conhecer os brinquedos do Harry Potter e toda a área ao seu redor é uma prioridade, assim que abrir o Parque da Universal, já corra para lá.

Como essa parte do Harry Potter, tanto na Universal Studios Florida e na Universal’s Island of Adventure, ficam mais ao meio do parque, até o fluxo de pessoas ser maior por lá, leva algum tempinho.

Universal's Islands of Adventure

Também já aproveite e faça as duas áreas do Harry Potter de uma vez só. Isso é possível com o ingresso park-to-park, que eu comentei lá em cima. Daí, por exemplo, você inicia pelo The Wizard World of Harry Potter (Universal’s Island of Adventure), depois embarca no Hogwarts Express e termina no Diagon Alley (Universal Studios Florida).

O legal é que já vai dar para ter uma experiência completa do mundo Harry Potter. A área mais impressionante do Parque da Universal sem dúvida!

Aí, depois, é só continuar explorando o parque escolhido seguindo a dica anterior.

8. Single rides no Parque da Universal

Single rides é uma ótima maneira de economizar tempo na fila das atrações. Ela funciona da seguinte forma: Conforme o pessoal da fila regular vai entrando nos carinhos, quando sobrar um carrinho sem parceiro, quem está na single rider entra.

Com esse método, as filas regulares se desfazem mais rápido e quem escolheu a single rider acaba passando menos tempo na fila, já que ela anda mais depressa.

Por isso, se você não se incomada em ir sem o seu grupo em alguns brinquedos que a fila estiver muito grande, fazer uso da single rider pode ser ideal. Lembrando que nem todos os brinquedos tem essa opção, mas sim na grande maioria dos mais famosos.

Universal Studio Florida Parque da Universal

Só recomendo não usar single rider no Men in Black Alien Attack, já que a atração é justamente competir com está no mesmo carinho. Logo, se for alguém do seu grupo, acaba ficando muito mais divertido!

9. Ingressos de combos de refeição

Outras opções de ingresso que o Parque da Universal oferece é de combos de refeições. São dois tipos de combos com alimentação: Full Service Meal e Quick Service Meal. Além de um combo de bebida: Coca-Cola Freestyle, que acompanha um copo souvernir. Os ingressos estão disponíveis no próprio site da Universal.

Universal's Islands of Adventure

Com a compra do primeiro combo, Full Service Meal, o visitante tem direito por dia a uma refeição completa (entrada, prato principal, sobremesa e bebida não alcoólica) ou uma refeição rápida (entrada, um tipo de fast-food e bebida não alcoólica), um aperitivo (como pipoca e sorvete, dos carrinhos pelo parque) e uma bebida não alcoólica.

Esse combo só é vendido para quem adquirir os Pacotes de Viagem da Universal. O Full Service Meal sai por volta de US$ 60,00 adulto e US$ 25,00 crianças entre 3 e 9 anos. Para descobrir os vários restaurantes participantes, clique aqui.

O segundo combo, Quick Service Meal, não tem restrições de venda. Pode ser adquirido por qualquer pessoa que irá passar o dia no Parque da Universal. São mais de 100 opções de restaurantes.

Neste combo, o visitante tem direito por dia a uma refeição rápida (entrada, um tipo de fast-food e bebida não alcoólica), um aperitivo (como pipoca e sorvete, dos carrinhos pelo parque) e uma bebida não alcoólica. O valor sai por volta de US$ 23,00 adulto e US$ 15,00 crianças entre 3 e 9 anos. Para descobrir os vários restaurantes participantes, clique aqui.

Universal Studios Florida

O último combo, Coca-Cola Freestyle é bem interessante. Você compra um copo refil, que tem dos mais variados modelos, aí você pode enchê-lo nas estações espalhadas pelo parque. O primeiro refil é de graça e os seguintes custam US$ 0,99. O legal é que o copo fica como um souvernir. E na próximo viagem para Universal é só levá-lo e pagar somente os refis.

Dentro dos parques, o copo sai em torno de US$ 17,00. Se você comprar antecipadamente pelo site da Universal, o valor cai para US$ 14,00.

10. Guardando as mochilas

Uma diferença que eu notei entre os Parques da Disney e o Parque da Universal era a quantidade de lockers espalhados. Isso porque, em muitos dos brinquedos da Universal não é permitido entrar com a mochila. Já, na Disney, eram poucos com esta restrição.

Então, na Universal, todas as atrações que não poderia entrar carregando alguma coisa, já havia sempre um locker próximo, e em bastante quantidade. Eles são pagos, só que é um valor baixinho e a primeira hora é gratuita.

 

Universal's Islands of Adventure

Pronto, depois de conhecer todos os parques da Universal e aprender algumas dicas sobre como aproveitar ainda mais o seu dia, é só começar a sua próxima viagem e se divertir muito num dos locais mais legais do mundo!

Se você ficou ainda com alguma dúvida, ou tem mais alguma dica para indicar, deixe nos comentários! E claro compartilhe esse post com quem esteja pensando em conhecer o Parque da Universal. =)

Viaje agora para
Orlando:

* Ao clicar em umas das opções você será redirecionado para o site de um de nossos parceiros. Ao realizar uma compra, o blog Cadê minha mala? ganha uma porcentagem, mas, você não paga a mais por isso, simplesmente ajuda o blog sem custo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *