Roteiro por São Francisco do Sul: desbravando a cidade mais antiga de Santa Catarina

Passear nas ruas e construções do centro histórico de São Francisco do Sul, é pisar em caminhos que fizeram parte da história do Brasil no período colonial.

Fundada em 1641, a cidade se chamava Nossa Senhora da Graça do Rio São Francisco. Já, a colonização, se deu a partir de 1658, com a chegada dos portugueses e paulistas.

Contudo, a sua história começou um século antes, no ano de 1504. Quando Binot Paulmier de Gonneville, comandante de uma expedição vinda da França, já teria desembarcado nas praias de São Francisco do Sul e convivido com os índios Carijós por alguns meses.

Por isso, São Chico, como é carinhosamente chamada pelos moradores, é a cidade mais antiga de Santa Catarina e a terceira mais antiga do Brasil!

Apesar de existir a mais de 500 anos, São Francisco do Sul começou a se destacar e prosperar com a fundação da empresa alemã de navegação Hoepcke, em 1895. Nessa época as atividades portuárias do município cresceram, assim como o comércio de madeira e erva-mate.

Como chegar em São Francisco do Sul

São Francisco do Sul é uma ilha, cheia de lindas praias. Por isso é o destino de muitos visitantes e moradores regionais para passar o verão e feriados. Além de possuir outras atrações bem interessantes para conhecer, como o Forte Marechal Luz, que inclusive já contamos como é aqui no Cadê minha mala? =)

Psssiiu › R$100 em Créditos no Airbnb para você viajar!

A cidade fica há 53 km de Joinville, o acesso pode ser pela Rodovia BR-280. Também tem a opção de chegar pelo Ferry Boat Vila da Glória, que atravessa a Baía da Babitonga e sai bem próximo ao centro histórico, veja o mapa aqui.

Logo que chegamos em São Francisco do Sul, já vimos diversas placas indicando o caminho para o centro histórico. Foi bem simples de se localizar.

O passeio pelas belas ruas históricas do antigo centro de São Francisco do Sul

Quando tivemos o prazer de andar por algumas ruas da Europa, a sensação era incrível. Eu ficava imaginando “quanta pessoas já não passaram por aqui!”, “quantas histórias têm essas calçadas pra contar!”. E foi bem isso que senti caminhando por meio das antigas construções de São Chico.

Por isso aproveite bem o seu passeio, que pode ser feito em uma manhã e início da tarde (ou, se preferir, só pela tarde). O legal é justamente prestar atenção nos detalhes. Ver de pertinho as construções tão antigas. Apreciar o belo conjunto que forma o trapiche da Baía da Babitonga e São Francisco do Sul.

São Francisco do Sul, centro histórico

Todo o patrimônio urbanístico e arquitetônico com cerca de 150 construções coloniais foi tombado pelo IPHAN em 1987. Um dos maiores complexos do país. Há alguns prédios muito bem conservados, mas em compensação outros que só sobrou a carcaça e o mata cresce ferozmente em seu interior. Uma pena…

São Francisco do Sul, centro histórico

Começamos pelo Museu Histórico, atravessando todo o centro até chegar no Museu do Mar. A rota pode ser feita ao inverso também. Por esse trajeto você consegue caminhar e conhecer toda a área do centro.

Museu Histórico de São Francisco do Sul

O primeiro ponto foi o Museu Histórico de São Francisco do Sul, chamado de Museu Histórico Prefeito José Schmidt. Ele abrigava a Câmara do Vereadores e a Cadeia Pública e se localiza em um dos mais antigos prédios da cidade.

São Francisco do Sul, centro histórico

Hoje é um museu bem legal que conta várias história da cidade, além de preservar algumas peças antigas bem interessantes e documentos.

São Francisco do Sul, centro histórico

Já fizemos um post no Cadê minha mala? só para contar como foi nossa visita nesse lindo museu, não deixe de conferir!

Horário de Funcionamento
Terça a sexta: das 9hrs às 17hrs
Sábado e domingo: das 10hrs às 16hrs

Valores
Adultos: R$ 3,00
Crianças até 12 anos: R$ 2,00
Crianças menores que 6 anos e adultos maiores que 60 anos: entrada gratuita

Endereço
R. Cel. Carvalho, 1 – Centro, São Francisco do Sul – SC, 89240-000. Mapa.

Depois passamos por uma pracinha e pela pequena Praia do Mota. É bem agradável esse cantinho, e meio desconhecido pelos turistas, já que normalmente não caminham até esse ponto.

São Francisco do Sul, centro histórico

Seguindo até o centro histórico, vimos várias casinhas antigas coloniais. Muitas delas bem preservadas e que formam um conjunto muito legal de cores. As principais características que notamos é o fato de elas sempre terem porão e serem grudadas na calçada. Muitas ainda são habitadas por moradores da cidade.

São Francisco do Sul, centro histórico

Conhecemos o centro cultural, que vende peças artesanais e quadros. Também vimos o Posto Musse & Irmão. Inaugurado em 1938, é o mais antigo posto de Santa Catarina e o quinto mais antigo do Brasil da Rede Texaco! Até hoje a mesma família que administra o estabelecimento.

São Francisco do Sul, centro histórico São Francisco do Sul, centro histórico

Almoço em São Francisco do Sul

Hora do almoço, achamos um restaurante delicioso ali pertinho, o Container Burger an Buffet. Quando tinha ido à São Francisco do Sul uns dois meses antes, não achamos nenhum lugar bom para comer mais em conta. Acabamos indo numa padaria do centro almoçar sanduíche prensado com pão velho…

Só que dessa vez foi bem diferente! A comida do restaurante era buffet, um preço ótimo (deu menos de 15 reais por pessoa) e uma delicia! Sem falar que o espaço é bem estiloso. Foi excelente a experiência.

São Francisco do Sul, centro histórico

Horário de Funcionamento
Segunda a domingo: das 11hrs às 14h30min
Terça a domingo: das 18hrs às 23h30min

Endereço
Rua Almirante Guilhen, 245, 89240000 São Francisco do Sul – SC. Mapa.

Outros dois pontos ali por perto para conhecer, só por fora mesmo, é a Capitania dos Portos de São Francisco do Sul e o Escritório IPHAN, que fica numa rua cheia de casinhas coloniais.

São Francisco do Sul, centro histórico

A Capitania foi criada em São Francisco do Sul no ano de 1918. Porém, está instalações atuais desde 1940, quando foi inaugurada com a presença do então Presidente da República Getúlio Vargas.

São Francisco do Sul, centro histórico

Continuando a pé, chegamos na Praça da Bandeira. Aqui começa a ter mais movimento e comércio. E é muito bonitinha essa parte. As construções são coloridas, mais altas e uma grudada na outra.

Na praça tem sorveteria, lanchonete com açaí, restaurante, padaria, lojinhas de roupas, banquinhos e uma árvore bem grandona. Seguindo sempre em frente já vai ser a Rua Babitonga, a principal do centro.

São Francisco do Sul, centro histórico

Caminhando na rua mais charmosa do centro histórico

Da Rua Babitonga, pegue a Rua Dr. Luís Gualberto para chegar na famosa Igreja Matriz de São Francisco do Sul. Essa é, com certeza, a rua mais legal de todo centro. Fácil de achar (pois é caminho para o mercado público), todo mundo entra lá. É como se fosse um radar natural de turista para passar por essa rua hehe.

Ela é tão bonita porque tem calçamento de pedras, ao fundo está a visão da torre da igreja, todas as casas são antigas e seguem o mesmo tom. Uma graça!

São Francisco do Sul, centro histórico São Francisco do Sul, centro histórico

Nessa ruazinha também tem a lojinha do Projeto TEAMAR. Esse projeto social ensina técnicas de tecelagem manual, com intuito de ajudar a gerar renda para as famílias da região. As peças que eles vendem por lá são encantadoras e muito bem feitas, tem tapetes, mantas, jogo americano…

Vale a pena, conhecer o espaço e os produtos. Quem sabe até espiar alguém mexendo na máquina de tecelagem. No projeto TEAMAR, comprei dois tapetes de cozinha e trilho de mesa que eu amo.

São Francisco do Sul, centro histórico

Igreja Matriz Nossa Senhora da Graça

Poucos passos depois chegamos à Igreja Matriz Nossa Senhora da Graça de São Francisco do Sul. Na verdade a capela, foi a primeira construção religiosa erguida em Santa Catarina.

Conta a história, que em 1553, o barco espanhol La Concepion, que navegava rumo ao Rio Prata, foi surpreendido por uma forte tempestade. Desesperados, os tripulantes intercederam por segurança diante da imagem que traziam . Prometeram que se caso sobrevivessem à tempestade ergueriam uma capela para Nossa Senhora da Graça na primeira terra firme que pisassem. Passados alguns dias, o La Concepion parou em São Francisco do Sul e construíram a capela. Deixaram lá a imagem da santa, que permanece até hoje em lugar de destaque no altar da paróquia.

Em 1665, a capela foi ampliada e totalmente reformada por milicianos, pessoas do povo e escravos. Foi utilizada argamassa com mistura de cal, concha, areia e óleo de baleia. Com o passar dos anos várias outras reformas foram feitas, até chegar na sua estrutura atual: muitas janelas e duas torres.

São Francisco do Sul, centro histórico

A construção ao estilo veneziano com certeza se destaca na cidade pelo seu tamanho. Dentro da cúpula ela tem mais de 7 metros de altura, com o altar super ornamentado. Antigamente,  pessoas ilustres da cidade eram enterradas sob o assoalho da igreja.

São Francisco do Sul, centro histórico

Na lateral da paróquia está o Museu Diocesano de Arte Sacra Padre Antônio de Nóbrega. O espaço foi inaugurado em 2013 e conta com mais de 800 peças catalogadas, como vestimentas litúrgicas, prataria, objeto de cultos, livros, resplendores, adornos, entre outros. Para quem tem interesse no assunto, é parada obrigatória.

São Francisco do Sul, centro histórico

Horário de Funcionamento
Terça a sexta: das 9hrs às 17h30min
Sábado, domingo e feriados: Das 14hrs às 17h30min

Valores
Adultos: R$ 3,00
Acima de 60 anos: grátis

Endereço
Praça Getúlio Vargas, 130 – Centro, São Francisco do Sul – SC, 89240-000. Mapa.

Ao lado da Praça Getúlio Vargas, esquina com a igreja, está o prédio da Prefeitura Municipal de São Francisco do Sul e o Cine Teatro X de Novembro, mais dois pontos históricos.

São Francisco do Sul, centro histórico

Parque Ecológico Municipal do Morro do Hospício

Seguindo pela rua Dr. Hercílio Luz, ao final da via já pudemos para avistar as paredes verdes decoradas com passarinhos do Parque Ecológico da cidade.

Este espaço foi criado a pouco tempo pela Prefeitura com o intuito de proporcionar aos moradores e turistas belezas naturais, mas sem grandes intervenções no meio ambiente.

São Francisco do Sul, centro histórico

O parque é mais um ponto de São Francisco do Sul não muito explorado pelos turistas. Contudo, ironicamente, de lá é possível se deslumbrar com a mais bela vista de todo o centro histórico.

São Francisco do Sul, centro histórico São Francisco do Sul, centro histórico

Para entrar no parque, acesse pela casinha de informações turísticas que está logo ao lado. Ali também tem banheiros públicos e bebedouros. A subida é tranquila e leva uns 15 minutos.

São Francisco do Sul, centro histórico

Por ser rodeado de árvores e verde, é mais fresco por ali. Sem contar os banquinhos e mesinhas que há pelo trajeto. Chegando no mirante já é suficiente para ver a vista, apesar de haver mais trilha pavimentada pela frente. No topo não há vista para a cidade, o que você encontra por lá são as ruínas da antiga Capela São José, construída no século 17.

São Francisco do Sul, centro histórico

Horário de Funcionamento
Aberto diariamente, das 9hrs às 18hrs.

Entrada gratuita

Endereço
Rua Fernandes Dias, 69, São Francisco do Sul – SC. Mapa.

Sem dúvida, o Parque Ecológico não pode ficar de fora da sua rota pelo centro histórico!

Feirinha e Miolo do Centro Histórico

Voltamos para a via principal, a Rua Babitonga, e já logo demos de cara na área mais movimentada da cidade antiga: a feirinha e o trapiche, onde atracam os famosos Barcos Príncipe de Joinville, recheados de turistas.

A vista pelo trapiche também é inesquecível. A composição das construções antigas coloridas com o deck e a Baía de Babitonga é muito lindo se ver e o cartão postal da cidade!

São Francisco do Sul, centro histórico São Francisco do Sul, centro histórico

Logo na entrada está a feirinha. Ali tem lembrancinhas da cidade, artesanatos e produtos manuais, chapéus, bijuterias, lembrancinhas com conchas e por aí vai!

São Francisco do Sul, centro histórico

Outros dois programas para fazer que são oferecidos próximo ao deck é o passeio de trem e o passeio de barco Pirata.

O trenzinho funciona com um guia explicando sobre as histórias da cidade e leva por dentro do centro histórico e pelo centro comercial de São Francisco do Sul. A excursão dura meia hora e custa R$ 10,00 por pessoa.

Já o barco pirata, leva o passageiro ao arquipélago da ilha, com parada para banho na Ilha das Flores. Se optar pela saída da manhã, há parada para o almoço no continente Vila da Glória. Com sorte, é possível encontrar alguns golfinhos no decorrer do passeio. O ingresso custa R$40,00 por pessoa, dura em média 2 horas, com saídas às 10h30min e às 14h30min.

São Francisco do Sul, centro histórico

Mercado Público Municipal

Pertinho do trapiche, avistamos o Mercado Municipal. Essa construção data de 1900 e por anos foi o principal centro comercial da cidade.

São Francisco do Sul, centro histórico

Pintado de amarelo, ele é pequeno. Dentro tem uma peixaria, lanchonete e restaurante, lojinhas e até uma barbearia. Sentimos que precisava de uma renovada na pintura e no seu interior.

É interessante para fazer uma visita rápida por dentro e ver a vista do deck de fora.

São Francisco do Sul, centro histórico

Museu Nacional do Mar

Nossa última parada foi o famoso Museu Nacional do Mar, uma das principais atrações de São Francisco do Sul e o único desse segmento no Brasil.

Inaugurado em 1991, seu objetivo é valorizar a riqueza e a diversidade naval brasileira. Lá conhecemos as jangadas do nordeste, os saveiros da Bahia, as baleeiras de Santa Catarina, e por aí vai. Várias embarcações são originais de todo país.

São Francisco do Sul, centro histórico

Fiquei muito deslumbrada com esse lugar. Super interessante, não importando a idade. É demais ver todos os diversos tipos de construções navais e a explicação do seu surgimento, imperdível!

São 10 mil m², situado nos antigos e restaurados galpões da Empresa de Navegação Hoepke. Há diversas salas temáticas de exposição e, ao final da visita, tem um cafeteria bem fofa e uma lojinha de artesanato.

São Francisco do Sul, centro histórico

Horário de Funcionamento
Terça a sexta: das 9hrs às 17h30min
Sábado, domingo e feriado: das 10hrs às 17h30min

Valores
Adulto: R$ 5,00
Meia-entrada: R$ 2,00
Crianças até 7 anos e adultos maiores de 60 anos: entrada gratuita

Endereço
R. Manoel Lourenço de Andrade, 133 – Centro, São Francisco do Sul – SC, 89240-000. Mapa.

 

Esse é a visita pela Centro Histórico de São Francisco do Sul. Tive a oportunidade de já por três vezes conhecer essas lindas ruas, e em cada uma delas, parece que sempre há um cantinho novo a ser explorado!

São Francisco do Sul, centro histórico

Por isso não deixe de incluir na sua programação de férias ou final de semana essa roteiro cultural tão importante de Santa Catarina, tenho certeza que vai ser uma honra e muito curioso conhecer esse pedacinho colonial da nossa região. Se você já visitou ou ficou com alguma dúvida comente e, claro, compartilhe também!

Dúvidas?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 Comentários

  • Fatima Costa disse:

    Dicas de hospedagem neste lugar lindo , por favor …???

    • Lyara disse:

      Olá Fatima!

      Como moramos pertinho de São Francisco do Sul, não tivemos o prazer de ficar hospedado na cidade ainda, por isso não posso te dar a minha experiência pessoal em algum hotel dali.

      Porém, há dois hotéis que ficam super bem localizados na parte histórica do centro, o Hotel Zibamba e a Pousada Solar da Beira.

      Já a maioria dos outros hotéis da cidade estão próximos as várias (e lindas!) praias da cidade, mas um tanto longe do centro histórico.

      Abraços!

  • Velci Pezzini disse:

    Oi Querida, muito legal sua apresenação da cidade de Sao Chico. Realmente ela merece tal referencia, em funçao de sua beleza arquitetonica. Aquela casa cor Salmao é minha, e tenho muito orgulho de poder apresenta-la a todos interssados em conhecer um pouco da historia do Brasil, contada atraves da arquitertura, inclusive mantenho a porta da casa aberta para as pessoas poderem tambem entrar e conhecer o patio interno o poco dagua e assim por diante
    Se algum dia voltares a Sao Chico e quiseres nos encontrar para outras informações estamos a disposiçao. 47 99135 9200. Velci e Marina. Moramos em Itajai, e estamos nos fins de semana la, pois Marina é natural de Sao Chico. Abraços .

    • Lyara Westphal Rescaroli de Freitas disse:

      Olá Velci! Muito gratificante ler de um conhecedor da cidade que curtiu a nosso post sobre São Francisco do Sul. Realmente o centro histórico é encantador e merece destaque por sua grande importância em nosso estado! Que legal que sua casa está com as portas abertas aos turistas, agradeço o convite e em nossa próxima visita não deixaremos de conhece-lá, por fora já a achamos encantadora hehehe. Abraços.